Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 55 anos de tradição.
 
Programa Municipal de DST/AIDS distribui
mais de 350 mil preservativos gratuitos no pré-Carnaval
 
Foto: Divulgação/SMS
Ações de prevenção estão acontecendo desde o pré-Carnaval
e continuarão até  o fim da temporada de folia




Mais de 300 mil preservativos foram distribuídos no último final de semana durante o pré-Carnaval da capital paulista. As equipes do Programa Municipal de DST/AIDS (PM DST/AIDS), da Secretaria Municipal da Saú­de (SMS) de São Paulo, estiveram presentes em diversos blocos de rua, dos menores aos que reuniram centenas de milhares de pessoas, bem como nos ensaios das escolas de samba.
“É fundamental a camisinha estar onde as pessoas estão. Com o trabalho dos nossos agentes distribuídos por toda a cidade, o preservativo chega à mão dos foliões”, diz Cristina Abbate, coordenadora do PM DST/AIDS.

A ação de distribuição das camisinhas aconteceu em blocos como “Acadêmicos do Baixo Augusta”, “Sereianos”, “Mega­zord”, “Retaleena”, “Os Lunáti­cos”, “Fuxico” e “Será que É”?, que lotaram as ruas da cidade por onde passaram. Houve atividade também nas escolas de samba Vai-Vai, Santa Bárbara e Barroca Zona Sul, que estão finalizando os ensaios antes dos desfiles do próximo final de semana.

Além desse trabalho, o Pro­gra­ma de DST/AIDS da capital, em parceria com a ONG Aids Healthcare Foundation (AHF), colocou à disposição amplos displays dispensadores de preservativos nos 10 postos médicos instalados pela cidade.

E a folia continua nos próximos finais de semana. Os displays estarão nos postos médicos em todos os dias de Carnaval e a equipe do PM DST/AIDS também fará a distribuição dos preservativos em blocos de rua da cidade.

A programação e a cobertura completa das ações de prevenção podem ser conferidas nas redes sociais do Progra­ma Municipal de DST/AIDS (Facebook, Twitter e Instagram - @programadstaids).

Sambódromo

Falta pouco para os desfiles das escolas de samba no Sambódromo do Anhembi. A cam­panha “Camisinha na Folia” estará na sexta (9) e no sábado (10) na passarela do samba com distribuição de mais de 200 mil preservativos. A atividade acontecerá em todos os setores do sambódromo e no Camarote da Cidade, da Prefeitura de São Paulo.


PEP

Além da camisinha, a Profi­laxia Pós-Exposição (PEP) é outra tecnologia de prevenção ao HIV que deve ser ainda mais enfatizada neste período de Carnaval.

A PEP é indicada para pessoas que se expuseram a uma situação de risco (rompimento do preservativo, camisinha saiu ou se não foi usada) para infecção ao HIV. Mas é preciso estar atento ao prazo, pois a profilaxia deve ser iniciada em até 72 horas após a exposição, de preferência nas duas primeiras horas.

A PEP está disponível em unidades de saúde que funcionam de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas, e também nos serviços que funcionam 24 horas. Os endereços podem ser acessados em prefeitura.sp.gov.br/dstaids/pep

 
Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição

Um bom jornal é você quem faz!

500 mil leitores

As melhores ofertas
estão nesta edição
classimoveis

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919



É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2018 ©.