Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 56 anos de tradição.
 
Denúncias sobre superlotação e diversos problemas no Hospital do Mandaqui
 
Foto: AGZN
Mesmo sem Conselho Gestor, situação do
Hospital do Mandaqui é discutida publicamente


Corredores lotados de pacientes, demora excessiva para atendimento, médicos e enfer­meiros sobrecarregados. As denúncias sobre os problemas no Hospital do Mandaqui conti­nuam ganhando as Redes So­ciais e a Mídia em geral. Na última quinta-feira (17), o Bom Dia São Paulo, da Rede Globo mostrou imagens da superlotação do hospital e das dificuldades enfrentadas pelos pacientes.

Situações como essas sempre foram questionadas e divulgadas pelo Conselho Gestor do Hospital do Mandaqui que, em sua última reunião pública realizada no dia 19/12 foi destituído pela atual diretoria do complexo hospitalar. Em atividades desde 1996 e contanto com o trabalho voluntários de usuários do hospital, o Conselho Gestor promovia até então reuniões públicas mensais para discutir problemas do hospital e cobrar melhorias. A questão está sendo discutida juridicamente, porém as denúncias com relação ao hospital continuam chegando às mídias sociais e à imprensa de maneira geral.

A Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa abordará a situação do hospital em sua reunião marcada para o próximo dia 5 de fevereiro, às 14 horas, em caráter público. A Assembleia Legislativa fica na Avenida Pedro Álvares Cabral, 201, Paraíso, São Paulo-SP. 
 
Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

COMUNICADO
Em virtude do feriado de 25/1 (Aniversário de São Paulo)
a edição fechará dia 23/1 (quarta-feira), com distribuição dia 24/1 (quinta-feira). 
Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919


É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2019 ©.