Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 57 anos de tradição.
 
O que foi notícia na semana
 
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
Na última quarta-feira (12), o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o dólar mais baixo permitia que as empregadas domésticas fossem à Disney, nos Estados Unidos. E ainda disse que a alta do dólar fará “todo mundo conhecer o Brasil”. “Não tem negócio de câmbio a R$ 1,80. Vou exportar menos, substituição de importações, turismo, todo mundo indo para a Disneylândia. Empregada doméstica indo pra Disneylândia, uma festa danada. Mas espera aí? Espera aí. Vai passear ali em Foz do Iguaçu, vai ali passear nas praias do Nordeste, está cheio de praia bonita. Vai para Cachoeiro do Itapemirim, vai conhecer onde o Roberto Carlos nasceu. Vai passear no Brasil, vai conhecer o Brasil, que está cheio de coisa bonita para ver”, declarou.

Na última quinta-feira (13), a Caixa começou a pagar o abono salarial do PIS do calendário 2019-2020 para trabalhadores de empresas privadas nascidos em março e abril. Servidores públicos com número 6 e 7 no final da inscrição do Pasep também têm direito ao abono, recebido pelo Banco do Brasil. O valor do abono salarial do PIS/Pasep pode chegar a um salário mínimo, que atualmente é de R$ 1.045, e é proporcional ao número de meses trabalhados em 2018. Quem trabalhou somente um mês em 2018, receberá R$ 88, e assim sucessivamente.

A inadimplência do consumidor avançou 1,2% em janeiro na comparação com dezembro, já descontados os efeitos sazonais, de acordo com dados nacionais da Boa Vista. Em relação a janeiro do ano passado, o indicador subiu 1%. Com isto, ele acumula queda de 2% no acumulado 12 meses (fevereiro de 2019 até janeiro de 2020 frente aos 12 meses anteriores). Regionalmente, na análise acumulada em 12 meses, todas as regiões registram queda: Centro-Oeste (-3,2%), Norte (-0,9%), Nordeste (-2%), Sul (-4,4%) e Sudeste (-1,2%). Na comparação mensal, apenas a região Sudeste apresentou queda ao variar -0,3%.

Na última terça-feira (11), em uma cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bol­sonaro empossou o ex-deputado federal Ro­gério Marinho como ministro do Desen­volvimento Regional. Ele era Ex-secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho assumiu o ministério do Desenvolvimento Regional na vaga de Gustavo Canuto, deslocado para um cargo de segundo escalão. 
 
Voltar
 

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp 94861-1729


É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2020 ©.