Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 57 anos de tradição.
 
Capital e Grande São Paulo avançam para terceira etapa da reabertura econômica
 
O governador João Doria apresentou em coletiva concedida na última sexta-feira (26), no Palácio dos Bandeirantes a atual avaliação do Plano São Paulo, que estabelece as regras de retomada econômica em todo o Estado, de acordo com as condições de cada região, no enfrentamento à pandemia da covid-19.

De acordo com a avaliação, Capital e a Grande São Paulo, avançam para a terceira etapa do programa chamado de “Fase Amarela,” na qual podem reabrir ao público restaurantes, bares e salões de beleza, de acordo com os protocolos específicos. A nova fase também permite ampliar o horário de funcionamento do comércio de rua, shopping centers e escritórios.

Considerando o interior do Estado, nove das 21 sub regiões permanecem na fase vermelha, considerada de alerta máximo, onde apenas os estabelecimentos essenciais estão liberados. São elas: Araraquara, Franca, Araçatuba, Presidente Prudente, Marília, Bauru, Sorocaba, Registro e Piracicaba. A região de Barretos, que estava até então na fase vermelha, foi autorizada a liberar o comércio de rua, shoppings e escritórios.

A nova classificação passa a vigorar, a partir desta segunda-feira (29). Porém, o prefeito Bruno Covas, já recuperado
da covid-19, afirmou que cidade de São Paulo só vai aguardar até 6 de julho, para reabrir restaurantes e salões de beleza. "A recomendação é que, apesar de o município estar agora na fase amarela, a gente espera uma semana. Portanto, a classificação que teremos na sexta-feira que vem, para que o município possa abrir aquilo que a fase amarela permite. O centro de contingência pediu que a Prefeitura aguarde mais uma semana, para confirmar os números. O município vai acatar essa solicitação do Centro de Contingência", declarou o prefeito.

Bruno Covas afirmou que a reabertura desses setores depende da assinatura de protocolos de segurança sanitária, entre as entidades que representam essas atividades e a Prefeitura.
 
 
Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729




FAKE NEWS - FIQUE ATENTO!

 

Veja as duas últimas edições
Ed. 2917 Ed. 2918

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2020 ©.