Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 57 anos de tradição.
 
Prefeito Bruno Covas anuncia cancelamento da festa de Réveillon na Avenida Paulista
 
Foto: Governo do Estado de São Paulo
Coletiva de imprensa concedida no Palácio dos Bandeirantes


A coletiva concedida no Palácio dos Bandeirantes na última sexta-feira (17), com: o governador João Doria, o prefeito Bruno Covas, membros do Governo e representantes do Centro de Contingenciamento da covid-19 do Estado de São Paulo, abordou temas relevantes como: a previsão da volta das aulas presenciais a partir de 8 de setembro, o recuo para a fase de alerta da região de Piracicaba e o cancelamento da grande festa de Réveillon que, tradicionalmente acontece na Avenida Paulista na Capital.

De acordo com os dados apresentados na última sexta-feira (17), o Brasil registrava mais de 2 milhões de casos confirmados e mais de 76 mil óbitos por covid-19. No Estado de São Paulo, os casos confirmados superavam a marca de 407 mil e mais de 19. 377 óbitos. A taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva em todo o Estado estava em 67,2% e, na Grande São Paulo 65,7% .

Com relação a perspectiva anunciada anteriormente sobre o retorno das aulas presenciais a partir de 8 de setembro, o secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares, foi enfático ao afirmar que a volta às aulas presenciais, só acontecerá se as condições permitirem. “Muitas pessoas estão falando da data, e muito mais importante que a data é termos as condições obrigatórias sendo cumpridas. Ou seja: só voltaremos em 8 de setembro, se as condicionalidades determinadas pelo Centro de Contingência forem cumpridas. Números de casos decrescentes, Estado no amarelo (fase 3 do Plano São Paulo) por 28 dias. Se isso não estiver, e isso foi claro desde o início, não voltará”, afirmou o secretário.

O coordenador executivo do Centro de Contingenciamento da covid-19, João Gabbardo esclareceu que, de acordo com o Plano São Paulo, as aulas presenciais só devem ser retomadas quando todo o Estado estiver na fase amarela, ou seja, a terceira etapa da retomada econômica.

Outro anúncio importante foi o cancelamento da festa de Réveillon na Avenida Paulista, devido à pandemia da covid-19. “Hoje anunciamos que também não teremos Réveillon na Paulista, nesta virada do ano. Tanto, a Prefeitura, quanto o governo entendem como muito temerário organizarmos um evento para 1 milhão de pessoas para dezembro deste ano”, afirmou o prefeito Bruno Covas. De acordo com o prefeito, trata-se de um evento que exige ao menos, três meses de trabalho de organização, depende de agenda dos artistas e portanto, a melhor opção é o cancelamento.

Covas afirmou ainda que, a Virada Cultural será feita de forma totalmente online e que a Prefeitura vem negociando com organizadores de outros eventos como a Parada LGBT e Marcha para Jesus, que foram adiados para novembro, mas ainda não está definido se, de fato serão realizados, ou de que maneira.

Com relação ao Plano São Paulo, o governo anunciou ainda que a região de Piracicaba (SP), volta à fase de alerta classificada como “vermelha”, com base num alerta sobre o aumento das internações em UTIs, devido a casos da covid-19. A medida passa a valer, a partir da próxima segunda-feira (20), com o fechamento do comércio e das atividades não essenciais na região de Piracicaba.

Com relação ao programa de testagem implementado pelo Governo do Estado, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, anunciou que a região de Brasilândia, será uma das áreas a realizar os testes para identificar a progressão da pandemia nas regiões mais vulneráveis.

Ao finalizar a coletiva de imprensa, o governador João Doria afirmou: "Nós ainda estamos em quarentena o que exige atenção redobrada", afirmou o governador, alertando para a necessidade do cumprimento rigoroso de todos os protocolos estabelecidos no Plano São Paulo. “Temos que evitar a propagação da pandemia e a saturação do sistema de Saúde”.
 
Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729




FAKE NEWS - FIQUE ATENTO!

 

Veja as duas últimas edições
Ed. 2917 Ed. 2918

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2020 ©.