Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 57 anos de tradição.
 
Obras da Linha 6-Laranja do Metrô seguem cronograma para término em 2025
 
Foto: Divulgação
Canteiro de obras da Linha 6-Laranja do Metrô em fase de retomada das atividades


A Linha 6-Laranja do Me­trô, que irá ligar a região de Brasilândia à Estação São Joa­quim, foi oficialmente retomada em cerimônia realizada no dia 6 de outubro passado, com a presença do governador de São Paulo, João Doria (PSDB) e do secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy.

Paralisadas desde 2016, devido a problemas com o consórcio Move São Paulo, formado pelas construtoras Odebrecht, Queiroz Galvão e UTC En­genharia, as obras são agora de responsabilidade da empresa espanhola Acciona, que adquiriu os direitos do consórcio anterior. 

Chamado de Linha Univer­sidade S. A., o novo consórcio ficará à frente da Linha 6 por 24 anos. A previsão de conclusão das obras é 2025, quando a concessionária deve recuperar o investimento nas obras estimado em R$ 6,5 bilhões. 

Com 15 estações, a Linha 6 ligará a Brasilândia à estação São Joaquim, com conexões com as linhas 1, 4, 7 e 8. Essa é umas das obras mais esperadas da Zona Norte que irá facilitar a mobilidade para outras regiões da cidade. Apesar da movimentação ainda pouco intensa na região, a concessionária informa que deu início imediato ao cronograma de atividades do projeto que envolve a elaboração da engenharia dos projetos executivos e construtivos da linha.

Entre essas primeiras medidas, a Acciona destaca a fase de seleção, contratação e treinamento de mais de 200 profissionais, adequação e reformas de canteiros de obras, limpeza e remoção de entulho dos canteiros, recuperação dos tapumes, levantamento topográfico, monitoramento e apoio ao desvio de tráfego e interdição de vias, vistoria e elaboração de laudos entre outras medidas. Para o primeiro semestre de 2021, ocorrerá o início das escavações das estações Brasilândia, Vila Cardoso, Itaberaba, João Paulo I, Santa Marina, Freguesia do Ó, Água Branca, PUC (Cardoso Almeida) e Angélica (Pacaembu).

Com 15,3 km de extensão, a Linha 6 vai ligar Brasilândia a São Joaquim. Ao todo serão 15 novas estações com integração para outras quatro linhas, do Metrô e da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). A expectativa é que a linha atenda mais de 600 mil pessoas por dia.

Esse trajeto, que atualmente demanda em média 1h30 de ônibus, poderá ser feito em apenas 23 minutos quando todo o trecho estiver em operação. O projeto completo da Linha 6-Laranja inclui as seguintes estações: Brasilân­dia, Vila Cardoso, Itaberaba, João Paulo I, Freguesia do Ó, Santa Marina, Água Branca, Pompeia, Perdizes, Cardoso de Almeida, Angélica, Pacaem­bu, Higienópolis-Mackenzie, 14-Bis, Bela Vista e São Joaquim. O trecho permitirá a integração com a Linha 1-Azul do Metrô, 4-Amarela da concessionária ViaQuatro e 7-Rubi e 8-Diamante, ambas da CPTM.
 
 Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729





FAKE NEWS - FIQUE ATENTO!

 

 

Veja as duas últimas edições
Ed. 2938 Ed. 2939

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2021 ©.