LIGUE 180



Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 58 anos de tradição.
 
Mandaqui comemora 133 anos, com intenso desenvolvimento nas últimas décadas
 
Foto: AGZN
Mandaqui comemora 133 anos de história



Foto: AGZN
Mandaqui, um dos bairros que mais cresceu na 
Zona Norte nas últimas décadas


Mandaqui está comemorando 133 anos na próxima quarta-feira (6), tendo alcançado uma grande transformação nas últimas décadas. Situado entre Santana e a Serra da Cantareira, o bairro passou a atrair o interesse do mercado imobiliário à medida que regiões vizinhas foram chegando, contribuindo para a saturação das áreas disponíveis para a construção. 

O intenso processo de verticalização do bairro, trouxe também o fortalecimento de sua rede de comércio e serviços que colaboram para a qualidade de vida de seus moradores. Além de importantes equipamentos públicos como o Hospital do Mandaqui, o bairro também dispõe de grandes supermercados, um shopping center, bares, restaurantes e muitas opções de comércio e serviços.

O adensamento populacional trouxe consequências esperadas, como: vários pontos de congestionamentos em ruas antes consideradas tranquilas como a Avenida do Guacá, desgaste das vias públicas e necessidade de implementação dos serviços públicos. De acordo com dados da Prefeitura de São Paulo, o bairro conta com uma população de, aproximadamente 107.580 mil habitantes, numa área de 13,10 Km². 

As principais ruas de acesso ao Mandaqui são: Rua Voluntários da Pátria, Avenida Santa Inês, Rua Conselheiro Mo­reira de Barros, Avenida En­genheiro Caetano Álvares e a Avenida Zunkeller. Bairros do distrito de Mandaqui: Ba­si­léia, Cantareira, Chácara do En­cos­to, Imirim, Jardim Carlos, Jardim Itatinga, Jardim Malba, Jardim Maninos, Jardim Picolo, Jardim Santa Inês, Lausane Pau­lista, Man­da­qui, Parque Man­daqui, Vila Romero, Vila Santo Antônio, Vila Santos.

Entre algumas demandas apresentadas por quem vive na região, há a reivindicação por faixas exclusivas de ônibus em vias principais que atendem o bairro como: Voluntários da Pátria, Avenida Santa Inês, Ave­nida Parada Pinto e Rua Conselheiro Moreira de Barros.

Entre outras necessidades aponta-se melhorias na Avenida Direitos Humanos, bastante ampla com grandes trechos sem arborização e com calçadas muito estreitas. Além disso, as demandas apontam constante necessidade de melhorias na iluminação pública, manutenção de vias e melhor ordenamento do trânsito em pontos específicos, como o cruzamento entre as avenidas do Guacá e Zumkeller.

História

Fundado em 1888, o bairro Mandaqui está comemorando 133 anos. Porém, as primeiras citações históricas são anteriores, ainda no século 17 no ano de 1616. Diferentes histórias explicam a origem de seu nome. Uma delas relata que no século 20 um português que bebia bastante vinho, saía na rua quando estava alterado e gritava “Quem manda aqui é o filho do meu pai, quem manda aqui sou eu“. 

Outra explicação refere-se à origem da palavra Mandaqui, que vem do tupi e significa rio de bagres ou rio de mandis, os indígenas que habitavam nessa região chamavam o local de Mandihi. Área que pertencia ao bandeirante Amador Bueno no século 16, que nela cultivava imensos trigais (moinho de trigo) ao lado do Ribeirão Mandaqui e do Rio Grande (atual Tietê). 

Nessa época, a região era ocupada por fazendas, que se tornaram chácaras ao longo do tempo e foram ocupadas por imigrantes nos séculos 18 e 19. Em 1893 aconteceu a implantação da Estrada de Ferro Cantareira, que funcionou até 1960. Suas ruas até hoje, lembram o nome de algumas famílias importantes na formação do bairro, como é o caso da Avenida Zumkeller. De origem francesa, essa família deu início ao processo de loteamento da região. No final do século 19, em 1895, foi aberta a estação Mandaqui do Tramway da Cantareira, que acelerou o desenvolvimento da região. 

O bairro Mandaqui apresenta problemas comuns aos bairros que sofreram intensa verticalização e, consequentemente, grande adensamento populacional nas últimas décadas. Mas entre moradores de longa data aos mais recentes, há a satisfação de morar em um bairro com ampla infraestrutura e próximo à Serra da Cantareira, e parques como: Horto Florestal e Parque Estadual da Cantareira.
 
 Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição

Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729
 
Veja as duas últimas edições
Ed. 2978 Ed. 2979
 

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2021 ©.