LIGUE 180



Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em diversos bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 59 anos de tradição.
 
Operação Baixas Temperaturas já está em funcionamento na cidade
 
Foto: Prefeitura de São Paulo
Abordagem e acolhimento de pessoas em situação de rua
é intensificada com a queda da temperatura





Foto: Divulgação
Clube Municipal de Santana recebe acomodações para pessoas
em
situação de rua durante o período de menores temperaturas



Com a queda na temperatura, principalmente durante a noite, aumenta a preocupação com as pessoas desabrigadas e em situação de rua na cidade. Desde o último sábado (30), está em funcionamento a Opera­ção Baixas Temperaturas (OBT) 2022 da Prefeitura de São Paulo, que segue em atividade até o dia 30 de setembro. Neste período, as abordagens realizadas às pessoas em situação de rua são intensificadas para acolhimento quando as temperaturas atingirem 13° ou menos.

A operação envolve uma ação intersecretarial com participação das secretarias municipais de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), Saúde (SMS), Di­reitos Humanos e Cida­da­nia (SMDHC), Segurança Ur­bana (SMSURB), Mobi­li­dade e Trânsito (SMT), Sub­prefeituras (SMSUB), Ino­va­ção e Tecnologia (SMIT).

A Assistência Social possui, atualmente, 117 serviços de acolhimento com pernoite para as pessoas em situação de rua em toda a cidade, que totalizam mais de 15 mil vagas. Para ajudar pessoas em situação de rua em noites de baixas temperaturas, a população pode ligar para a central 156 (ligação gratuita) e solicitar uma abordagem social. O serviço funciona 24 horas e a solicitação pode ser anônima, entretanto, é importante informar o endereço da via em que a pessoa em situação de rua está com número aproximado, citar pontos de referência, além de características físicas e detalhes de como a pessoa a ser abordada está vestida.

Clubes municipais são utilizados para abrigar pessoas em situação de rua

Na manhã da última quarta-feira (11), recebemos várias mensagens de frequentadores do Clube Mu­nicipal de Santana, oficialmente denominado CEE Balneário Geraldo Alonso (localizado na Avenida San­tos Dumont, 1.318), relatando que as instalações do clube estavam sendo ocupadas com camas para abrigarem as pessoas em situação de rua. Os usuários da unidade reclamaram sobre o fato de não poderem utilizar a unidade para aulas e as práticas esportivas oferecidas no local.
A redação de A Gazeta da Zona Norte entrou em contato com a Prefeitura para mais informações a respeito, questionando se essa prática seria adotada em todos os equipamentos municipais esportivos da cidade e qual seria a orientação para o público. Publicaremos assim que possível.

 
 Voltar

Veja a capa da edição:

Capa da Edição

Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729
 
Veja as duas últimas edições
Ed. 3004 Ed. 3005
 

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2022 ©.