LIGUE 180



Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em diversos bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 59 anos de tradição.
 
Editorial
 
As obras da UPA Vila Maria Baixa receberam o ponta pé inicial na última quarta-feira (11), em ato em que o prefeito Ricardo Nunes assinou a ordem de serviço para os trabalhos. Durante os próximos 12 meses, as instalações do atual Pronto Socorro Municipal de Vila Maria Baixa serão ampliadas e transformadas em UPS, o que significa aumentar sua capacidade de atendimento e as especialidades oferecidas.

Além das especialidades que já funcionavam no Pronto Socorro como: clínica médica, cirurgia e pediatria, quando transformada em UPS, a unidade de saúde agregará ortopedia, psiquiatria e odontologia, dobrando a atual capacidade de atendimento. Esse projeto foi viabilizado pelo programa Avança Saúde SP, que conta com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para ampliar a capacidade da rede de Saúde em São Paulo.

No caso da UPA Vila Maria Baixa, serão investidos R$ 8.108.718,67 em obras, sendo 60% desse total proveniente do BID e 40% da Prefeitura de São Paulo. Essa mudança vai exigir um esforço da população, que em geral depende muito dos serviços públicos de Saúde. Até que a UPA seja entregue, o atendimento de urgência será direcionado para as UBSs: Vila Guilherme e Parque Novo Mundo. Importante destacar que a região conta ainda com o Hospital Municipal Vereador José Storopolli, conhecido como “Vermelhinho” na região do Parque Novo Mundo. Quando a nova UPA for entregue, todo o esforço será justificado, uma vez que a demanda pelos serviços públicos de Saúde só tende a aumentar.

Ainda nesta edição, destacamos a iniciativa de moradores da região da Serra da Cantareira, que estão instalando passarelas para a travessia de animais silvestres, numa ação inovadora e em consonância com o Meio Ambiente. Outro destaque deste número de AGZN é o início da Operação Baixas Temperaturas, que busca oferecer abrigo para pessoas em situação de rua especialmente em noites frias, quando a temperatura cai abaixo de 13 graus. Essa ação vem envolvendo o espaço de clubes municipais para abrigar essas pessoas, que também conflita com o interesse dos usuários desses espaços. Estamos acompanhando essa questão e vamos informando nossos leitores nas próximas semanas.

Essas e outras notícias regionais estão neste número de A Gazeta da Zona Norte. Uma boa leitura a todos, excelente final de semana e até nossa próxima edição!
 
 Voltar
 

Veja a capa da edição:

Capa da Edição

Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919
Whatsapp  94861-1729
 
Veja as duas últimas edições
Ed. 3004 Ed. 3005
 

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2022 ©.